sábado, 2 de agosto de 2008

Brinquedo para o Ferry

Tabaréu quando vai à capital é pra tomar chá de civilização. Como foi amplamente divulgado, fiquei dois dias sem postar nada. E não foi por prisão de ventre mental; meu computador deu pau. Aguentou o quanto pôde, o coitado, mas finalmente capitulou. Fui à Bahia, fiz a travessia Mar-Grande- Rampa do Mercado sob temporal e a fúria dos chineses, mas consegui o que sonhava há tempo: comprei um lap top. Sou fascinado por inovações tecnológicas, com as devidas assessorias de João Paulo e Nana, que me tratam como um idiota informático. Aceito a denominação. Já a aprendi a ligar e desligar o brinquedo. Falta agora o rabicho que vai me permitir acessar o mundo a partir do Ferry-Boat. Foi nisso que mais pensei: minhas viagens insuportáveis pelo Ferry. A gora vou poder deixar lá fora as aporrinhações desta terra, o pagodinho, a falta de educação, gente jogando lata de cerveja no mar. Me tranco lá dentro do carro, boto um cd pra rodar e prometo postar algo mais interessante. Amanhã eu testo. Amanhã eu volto. Se os chineses não resolverem me matar.

8 comentários:

JÚ (LIANA!) disse...

Tenho 2 dias lendo TODAS as suas "noticias"!!!!
Delicia!!!!
Adorocê!
Diga a Verinha q ví q ela ligou p meu cel ... retornei mas não atendeu ... fiquei pensando q iria rolar nosso cineminha!!!!
Aooooonde!!! Com o maridão na terra ela não iria perder tempo em cineminha !!!!
Beijos

maria guimarães sampaio disse...

Estou super super hilária com a compra do brinquedinho. Nem pense que você é o privilegiado de ser visto pelas "crianças" como um "bobo digital". Já estamos no tempo dessa meninada nos pensar bobos totais. E é adorável que assim pensem porque passam a cuidar e tomar conta da gente!

Luli Facciolla disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Luli Facciolla disse...

Ai como eu AMO o meu notebook (também lap top para os recém-internautas)! E com o "rabicho" que dá acesso a internet, então! VIXE! Tenha certeza: vc vai ficar viciado no seu novo brinquedo!
Fora que dá pra usar na varanda, na cozinha, na sala, no banheiro... Não precisa mais ficar no mesmo lugar da casa!
Inspire-se e nos brinde com novas e deliciosas histórias!
Saudade, Luli Pop

Judith disse...

Eu tenho um notebook há 3 anos. É bem legal, ocupa pouco espaço e não dá problema. A questão é o teclado, que não tem os acentos onde estamos acostumados. por exemplo: para fazer o ç eu prineiro tenho que clicar no acento agudo e depois no c. Tem muito mais, que nào vou botar aqui para não ficar chata.
E eu ainda faço a maior confusão, porque trabalho o dia todo num teclado normal.
Mas a gente se acostuma.
Quanto à imbecilidade cibernética que nos atribuem, é falsa.
Mas por via das dúvidas, mamis contratou um porfessor particular para ensiná-la a abrir e-mails, baixar filmes e músicas e até a usar seu MP3.

anjobaldio disse...

Caro Bernardo, tudo bom? Raul da Suzana me passou teu endereço hoje. Muito massa este blog. Estarei sempre por aqui. Grande abraço, e vida longa.

aeronauta disse...

Ah, como gostaria de aprender a usar esses brinquedinhos!

Maíra disse...

Já vi que vc ainda não aprendeu a usar seu novo brinquedo ou virou estrela de vez (só para nos matar de curiosidade !!)... tá muito filão no blog em !!!!

xeudizer:

anotações livres, leves, soltas