sábado, 25 de outubro de 2008

Nas nuvens

.


Hoje não consigo escrever nada.

Quem quiser ler alguma coisa minha, visite o blog da Aeronauta.

Estou besta.

Hoje quem está nas nuvens sou eu.
foto: dudu mazzocato
.

11 comentários:

aeronauta disse...

Oh! Adorei!

Maria Judith. disse...

EU SABIA QUE VOCÊ IA SABER O QUE DIZER!!!
Muito obrigada.

aeronauta disse...

Graças a Deus esse domingo está calado. Pude deitar no sofá e continuar a leitura. E como é deliciosa! Estou poupando o livro, acredite! Também, como você, não gosto de banho de mar, "morro de antipatia por fogos" das festas juninas e adoro Amália Rodrigues e suas músicas "mais dolorosas". A descrição da noite interiorana é lírica, linda: "ainda vejo estrelas no céu e, quando a lua sai, não tem nada entre ela e minha varanda". Como tem coisa bonita por aqui!

Maria Judith. disse...

Está vendo que precisamos de segunda edição???

aeronauta disse...

Bernardo: quem disse que o telefone me deixou em paz hoje? Falta um tantin assim pra terminar de ler o livro, a curiosidade me corroendo... Ih, a noite chegou, com luzes fracas, lamparinas fracas. E vistas fracas. Meu Deus, vou acordar amanhã bem cedo pra poder ler o final dessa história tão arrepiante... Depois tenho muitas perguntas para fazer aos dois autores.

Luli Facciolla disse...

Post lindo de Aeronaouta. Lindo e merecido.

Mas, ei! Desça já daí e venha dar notícias do interior!

Beijos!

PS: recebeu as fotos da filhota? Mandarei fotos da neta também! 9 meses e já é madrinha de casamento!

PS2: Verificação de Palavras: PRATER. Acho que é pra ter as fotos... será?

aeronauta disse...

Bernardo: "Morte Abjeta" merece um post seu. Quero ouvir a voz dos autores!

Janaina Amado disse...

E eu, aqui, chupando o dedo...
A sem-livro (um me foi prometido, mas até agora, nadinha)

aeronauta disse...

Bernardo, um grande escritor, amigo meu, Carlos Barbosa (autor do romance "A dama do Velho Chico") se interessou muito pelo "Morte Abjeta". Ele quer comprar um exemplar. Como fazer? A minha idéia é que você coloque alguns exemplares em alguma livraria aqui de Salvador; na LDM, por exemplo.

aeronauta disse...

Meu Deus, o que é que houve com você? Perdeu-se no meio das nuvens? Olhe que tem umas bem perigosas... Tente voltar, homem!

Maria Judith. disse...

Desce já daí!!!!!

xeudizer:

anotações livres, leves, soltas