sábado, 6 de setembro de 2008

O Jumento e o Elefante


Nem gosto de americanos a ponto de falar daquela eleição complicada, que cada vez mais, entendo menos. O Partido Democrata de lá, parece o nosso PSDB, só que o simbolo é o Jumento. O Republicano, algo como o nosso Demo, é representado pelo Elefante. E todo mundo está tomando partido na campanha alheia. Aqui no Brasil, virou febre a torcida pelo Obama. Com cara de brasileiro, a imprensa corre a defini-lo como " o primeiro negro a chegar à presidencia do mais importante país do planeta", a despeito do próprio evitar a "etnização" da disputa. Mas a imprensa ignora isto, quer ver um negro chegar lá. E depois? que diferença isso fará? Ele será apenas o Presidente do país deles lá, o ufanismo permanecerá, o protecionismo também. E o McCain? parece que o "herói" é um vilão aqui, o homem que pode impedir o negro de "nos" representar. Herói de guerra, branco e velho: prato cheio. Vamos cair de pau no McCain.

Nas leituras que fiz, apenas John Edwards tinha um discurso mais próximo do respeito à autonomia dos países e uma proposta mais interessante de aproximação com a América dos Pobres. Sartou fora, não aguentou o tranco. Tia Hillary resistiu pelos mesmos motivos do Barak: " a primeira mulher..." Ganhou o Negro. Questão de cotas, acho.

Agora, a unica diferença que vi entre os dois foi: McCain quer continuar batendo no Iraque. Obama acha que a porrada deve ser no Afeganistão. Questão de diferença ideológica partidária americana. McCain, o Elefante. Obama, o Jumento.
Foto do site yahoo notícias; sem crédito

14 comentários:

Anônimo disse...

Preciso e genial!

Soraya disse...

A anônima é Soraya. Não sei lidar direito com blogs. Abraço.

maria guimarães sampaio disse...

Já não lei nem mais as manchetes do jumento e do elefante. Já me bastam os jumentildos candidatos a prefeito.

Judith disse...

Pois eu acho que apesar de não haver grandes diferenças entre os seus candidatos, as eleições norteamericanas são tão importantes para o resto do mundo que todo o planete poderia e deveria votar também.

Renata Belmonte disse...

Estou acompanhando! E sua análise foi certeira.
Abraços,
Renata

Personagem Principal disse...

Estou verdadeiramente cansada disso tudo. As eleições de cá até aturo. São comédia pura.

Mudando de assunto, vim finalmente ver quem é o cara que odeia teatro e não tem vergonha de falar isso pro mundo. Eu odeio Caetano. E Gil tb.

Obrigada pela visita lá no blog. Mas que história é aquela da Rita Pavone? Abraço.

Edu O. disse...

to chegando sempre atrasado e hoje não vai dar pra ler o resto, mas prometo que venho com calma.
Minha cabeça ta tão cheia que os jumentos e os elefantes vão passar por mim despercebidos.

anjobaldio disse...

Boa análise. Teu texto é preciso. Lembranças para Vera. Grande abraço.

Palavras e co-lirius disse...

Amigo, nessa disputa vence mesmo é o camelo...é mais forte, sobrevive ao deserto firme e forte.
Boa reflexão a sua, e bom toque de humor. Boa semana de trabalho e descanso!
nilson

Renata Belmonte disse...

O Pablo é um querido! Nossos livros são da mesma coleção da Fundação Casa de Jorge Amado. Falo pouco com ele, mas adoro seu trabalho.
Bjs!
(E volto assim que puder)

Luli Facciolla disse...

Uma hora dessa o Jumento aparece aí no seu interior para a festa da Jega Elétrica, que bem poderia ir vestida de Hilary, né?!

Não sei o que é pior, eleições americanas ou essa poluição sonora que vem dos candidatos...

A propósito, amo sua filha Maíra como se fosse minha irmã (e assim a considero) e amo sua neta como se fosse minha filha. Estou morrendo de saudades de ambas, mas mato primeiro a saudade do "tio" e chego aí, no interior, em breve!

Beijos carinhosos!

Meninha disse...

Não entendo P.N. de eleições americanas, esse negócio deveria ser simplificado, deveria ser igual no Brasil, voto-a-voto e acabou. Eu, particularmente (não sei porque) prefiro os negros. Bjs no coração.

Anônimo disse...

Se tiver estômago, faça um comentário sobre a eleição daqui, gostaria muito de saber sua opinião sobre a disputa de à prefeitura de Ituberá.

Maíra disse...

Moral meu pai, não suporto mais abri seu blog e dá de cara com esse jumento. Vc tá ficando preguiçoso !!

xeudizer:

anotações livres, leves, soltas