quarta-feira, 3 de junho de 2009

O artista e o aviador


Cunhados, amigos e compadres duas vezes: tio Mirabeau ( em segundo plano )meu padrinho ( jamais fomos à igreja efetivar a crisma, mas estava escolhido) e meu pai, o comandante Carmilton, padrinho de Maria, em primeiro plano. Meu pai adorava tio Mirabeau. Além de ser uma das pessoas mais interessantes que já existiu, melhor contador de história da Bahia, artista de esculturas e pinturas fabulosas e ainda por cima casado com a irmã preferida ( que não me leiam as outras). Acho que tinha quase a mesma amizade por tio Wenceslau, também por conta de tia Magá, a segunda na linha da paixão. Se davam muitíssimo bem, um não aporrinhava o outro. Às vezes meu pai ia à casa de tio Mirabeau e tia Norma e ficava horas sem dar um pio ( era uma característica forte dele, lembram?) só ouvindo, rindo das artes ( uma e duas), se deliciando com suas lembranças. Só repetia:
-"Mirabeau é um porreta!"Quando tia Norma morreu, os dois morreram um pouquinho.
Hoje eu e Maria somos primos, amigos e compadres quatro vezes. Como nossos pais.
foto de maria sampaio

8 comentários:

Maria Judith. disse...

Nunca soube que seu pai era piloto.
Só sei que era calado, porque jamais me dirigiu a palavra, só olhava...

Meninha disse...

Tantão... era assim que eu o chamava...pena que não pude aproveitá-lo mais.

Lidi disse...

Bernardo, adoro o teu blogue. Vim aqui a primeira vez, viciei. (rs) Obrigada pela visita. Um abraço.

Renata Belmonte disse...

Não é por nada que vc e Maria são tão especiais... Puxaram aos pais!
Bjs

aeronauta disse...

Bonita essa relação de afeto que se vai herdando...

Nilson disse...

Tem aquela história de que amigos são a família escolhida pela gente, etc. No caso de vcs isso parece bastante relativo: parentesco e amizade no quilo grande!!! Legal isso.

maria guimarães sampaio disse...

Voltei cá... pensei ter deixado comentário. Um dia ligaram para meu pai, anônimo: -sua mulher está com um homem na balaustrada da barra. Ele nem tchum, ele sabia. Tio Carmilton pegava a mana Norma para "conversar". Sim, tio carmilton FALAVA em particular sentado com minha mãe na balaustrada da Barra.

Maria Muadiê disse...

amizade é um sentimento maravilhoso, faz m bem danado....

xeudizer:

anotações livres, leves, soltas