quinta-feira, 30 de abril de 2009

29 de abril


Tenho três filhos brancos e uma neguinha: Maíra. Concebida em Sumpaulo, quem lhe sugeriu o nome foi Darcy Ribeiro, da prateleira da biblioteca de meus primos Lucinha e Zé Miguel. Nasceu pequititita, cresceu calorenta e invocada. Dormia nos batentes de mármore das portas, nas baixas temperaturas de Maracás, sua cidade primeira. Cresceu me dando testa. Foi a unica a tomar uma palmada, que me dói até os dias de hoje. Quando tinha febre, batia 40 e não baixava a não ser quando ela queria. Foi a primeira dos filhos a botar cigarro nos beiços, a tomar umas biritas, a viajar sozinha. Jogava capoeira de Angola. Cada dia mais parecida com a mãe, como num espelho, mas por fora, o pai. Hippie, riponga, fez vários vestibulares, passou em todos, foi pra Biologia.
-"Vivo pobre mas não me dobro"!
Retada! Virada no estopô! Não passou do metro e meio; de ousadia! Nariz pra cima, nunca leva desafora sem resposta do mesmo tamanho. Quando alguem lhe desafia e põe a mãe no meio, roda a baiana e diz:
-"Eu sou neguinha!".
Um dia me disse que estava grávida: virou Mãe de Iara. O resto, vocês já sabem.
foto de maira de eduardo.

7 comentários:

maria guimarães sampaio disse...

ó paí ó: a palavra aí embaixo VELLIN, e a velhinha sou eu a chorar a cada texto como este seu de hoje. Linda Maíra!

Renata Belmonte disse...

Bernardo,
Seus textos sobre seus filhos me emocionam muito! Parabéns, Maíra!
Você e sua filhinha são muito bonitas!
Bjs

Nilson disse...

Parabéns, Maíra! Parabéns, Bernardo, pai corujão!!!

aeronauta disse...

Eta homem que escreve bem, Senhor! Ufa! O que é isso que você faz com a gente, homem de Deus?
Parabéns, Maíra, por você, e por ter um pai desse tamanho!

Chorik disse...

Compito (*) contigo no amor de pai e avô. Finalmente conheço Mãe de Iara! Parabéns Maíra!
(*) competir é defectivo? Se não for deveria ser. Compito é ridículo.

Maria Muadiê disse...

Bernardo, admiro a sua sensibilidade.

Mãe de Iara disse...

Essa sou eu !! Só faltou acrescentar 3cm no meu tamanho !!

Bjs

xeudizer:

anotações livres, leves, soltas