segunda-feira, 24 de agosto de 2009

20 de agosto

Me passei da data em 4 dias. Não devia. Nesse dia fiz exatos nove anos sem fumar. Nove anos! Comecei a fumar com 13 e parei com 47. Nunca imaginei que um dia conseguiria e explico porque: eu simplesmente acho que fumar é a oitava maravilha. Se existe uma coisa boa na vida, é fumar um cigarro. Se conseguisse fumar apenas um ou dois por dia, não parava nunca, mas nunca consegui. Nesses 34 anos de fumo, tragava cerca de 12 cigarros por dia e quando bebia, era uma carteira só na farra. Mas parei. Passei um ano me preparando para a nova vida, muito da chata, sem um cigarrinho. Nove anos depois, tenho duas declarações a fazer: sinto vontade de fumar a cada meia hora de minha vida maledetta. A outra é que voltaria a fumar se soubesse a hora de minha morte: um cigarro e ploft! morria, feliz.
E o que este santo que ilustra o texto tem a ver com as calças? Procurei na internet sobre o dia 20 de agosto porque queria que esta data comemorasse algo bem importante para fazer companhia à minha conquista, e me deparei com o xará acima. Isso mesmo, dia de S. Bernardo! Ainda por cima o santo padroeiro de Alcobaça, terra de meu avô materno, Raul. Quando falei com minha irmã Mena, ela me disse que sabia e que minha mãe escolheu esse dia para me batizar e a ele me consagrou para que me protegesse. E assim foi feito. Com tanto aviso, se não parasse, me fudia.
foto da net.

10 comentários:

maria guimarães sampaio disse...

Vivá bernardão do cigarrão.
Já eu, de 3 a 4 carteiras por dia a 15 cigarros/dia depois do câncer - deixei há 3 anos. Sei ter sido perto do meu aniversário, mas não sei o dia.

Nílson disse...

Isso é que é padroeiro, né não??

Renata Belmonte disse...

Parabéns, primoooo!
bjs

imonizpacheco disse...

Rapá, e eu aqui, me achando porreta porque deixei o cigarro também, mas com uma estória que não tem graça nenhuma...

Chorik disse...

Eu só me ferrei. Mas deixa pra lá.

Janaina Amado disse...

Deixar de fumar foi a coisa mais difícil que fiz na vida.
Ah, o meu Bernardo também vai gostar de saber do dia do seu padroeiro - e eu também gostei, obrigada!
Vou ao lançamento do dia 1º, assim a gente vai se conhecer ao vivo!
:-))

miro paternostro disse...

pois saiba meu primo, eu fumo há 33 anos, comecei ainda um pouco mais cêdo que você, com 12! e só vou parar como tio Orlando com 106!!!!

miro paternostro disse...

...ah! meu único problema é que a merda do cigarro aumentou de novo 5 Euros por uma carteira! tá dificil, ainda mais que aqui em berlin tem mais pidao que na bahia...

Edu O. disse...

vixe, parece até mentira q vc não sabia q esse era o santo do dia. que massa! eu adoro fumar um pouquinho tb, mas a propaganda contra é tão grande que compro a carteira, fumo um ou dois e dou a outro para morrer em meu lugar. Parabéns pela força de vontade.

Maria Muadiê disse...

MAria, 4 carteiras! É fumaça pra caramba! Realmente, fumar é bom demais....comecei a fumar com uns 14 anos, Hilton! (Sinto enjoo só de lembrar) e daí, fumei até ficar grávida de Bia, fumei o útimo cigarro numa festa de aniversário de um amigo e ano novo, dia 31/12 de 1992. Ainda não sabia que estava grávida e quando fumei passei MUITO MAL. Não fumei mais.

Não é fácil, colega.
beijo

xeudizer:

anotações livres, leves, soltas