terça-feira, 10 de agosto de 2010

O primeiro voo.


Check list


Check list

Asssume o comando e...


voa!
Jango, no Aeroporto 2 de Julho, dia 08.10.10*
A velha águia, pousada, calma e lerda, assiste com o peito oscilando entre o orgulho e o medo, o primeiro voo do seu filho.
Dia dos pais. O meu era piloto; dei-lhe o melhor presente que podia: o meu filho, em suas mãos.

* claro que a data correta é 08/08/10, mas vou deixar assim para valer o comentário de Chorik sobre a velha águia.

fotos de bernardo, em 08.10.2010

15 comentários:

Chorik disse...

Quanta emoção! Maravilha, fiquei arrepiado. Só não precisava errar na data né. A velha águia já está em outubro? Vixe!

Gerana Damulakis disse...

Seu pai olhará sempre por seu (dele) neto.
Que emoção, B!

Bernardo Guimarães disse...

Chorik:
emoção pura mesmo, amigo. e a velha águia, além de lerda, está abestada!...

Gerana:
é por isso que estou tranquilo com a escolha profissional de meu filho. que meu pai lhe tranmita a sabedoria que tinha na aviação.

aeronauta disse...

Cena bonita, Bernardo, a despeito do meu medo das alturas "de mesmo", como diria Maria.

Marcus Gusmão disse...

Nascer e envelhecer nas asas do pai e do filho. Privilégio.

Denise disse...

E se fez de filho pai.........num circulo virtuoso que abençoado esta.

carinho

Bernardo Guimarães disse...

Aeronauta:
logo você, a própria, com medo das alturas? e como faz pra morar nas nuvens?
bj

MArcus:
estou me rejuvenecendo com a viagem de meu filho.
abraço, amigo

Denise:
obrigado pela visita e carinho

- Luli Facciolla - disse...

Muito chique poder chegar em Itchubéras de avião, hein?! E ainda estaciona perto de casa! ahahahaha
Nada como se descobrir no DNA, né não?

Beijos

Moniz Fiappo disse...

Admiro a coragem. A coragem de voar "de mesmo". Iaiá dizia: Os que voam de avião, têm dois tipos: os medrosos e os mentirosos.
Ah, mas isso era antigamente.
Boa sorte pra voce e seu filho.

Bernardo Guimarães disse...

Luli:
vez em quando pedirei pra ele te deixar vc lá na juliana.

Comadre:
todo mundo tem medo de avião, mas sabe medo com prazer? é assim. quanto mais eu que estou gozando com o pau dos outros!...

Edu O. disse...

Eita que a velha águia deve estar toda prosa!!!! Voar é para poucos, mesmo quando nem saimos do chão.

aeronauta disse...

Ando tão triste: você me abandonou. Agora só comenta no blog de Marcus e Chorik.

Nilson disse...

Velha águia, caro lobisomem, os filhos nos enternecem. Eles são para isso, pois não?

Lidi disse...

Belas imagens, belas palavras, Bernardo. Cadê você? Estou com saudades. Abraço!

aeronauta disse...

saudades imensas de você!

xeudizer:

anotações livres, leves, soltas