quarta-feira, 20 de julho de 2011

Religare, os princípios.



A intenção é de continuar falando da nova religião, desta vez com os mandamentos, fundamentos, princípios, como queiram.


1. Não há proibições de qualquer natureza, tipo não pode dançar, cortar o cabelo, transar antes do casamento, usar camisinha, fumar, beber, ter filhos sem casar, essas coisas- e aqui respondo às primeiras perguntas que me fizeram no texto anterior. Nada é proibido a não ser falta de caráter! Promiscuidade também está por fora. Pode tudo e o limite é a responsabilidade consigo e com o outro. Pode homem com homem, mulher com mulher e homem com mulher. Com animal, não deve, mas os meninos criados no interior não queimarão no mármore do inferno se comerem uma jeguinha. Drogas, pode, desde que não exagere e se tiver tendência ao uso abusivo ( traço familiar), cuidado! e se cair, tem de pedir ajuda e todos tem de ajudar.


2. Não há pecado, a não ser os brabos, tipo roubar, estuprar, matar, corromper. Os leves não serão considerados, por exemplo: xingar, bater uma, brigar com irmãos, desejar o próximo.


3. Não há rituais, orações, compromissos de frequentar um templo, aliás, não há templo. Os encontros devem acontecer por livre desejo de tantos quantos quiserem se encontrar, onde quiserem e pelo tempo que desejarem. Nada de forçar a barra; nem me convidem pra encontros de formatura! Vou não, quero não, posso não...


4. O meio ambiente será respeitado. Intervenções serão permitidas desde que o fim justifique os meios. Pode fazer Usina Hidrelétrica, esse negócio de viver sem energia, tá por fora. Os animais só podem ser abatidos se criados para esse fim ( galinha, peixe, porco, boi). Animal silvestre, nunca!


5. Não há sacerdotes e ficaremos livres de títulos como bispa, irmão, cardeal, xamã, médium, etc. Tambem estão fora de tempo chamar de companheiro e camarada. Amigo, pode e é suficiente.


6. Se precisarmos de um símbolo, o de Paz e Amor dos '60 dá pro gasto. Ainda gosto muito dele.





imagem de: pensamentosversusmomentos.blogspot.com

10 comentários:

Meninha disse...

Tô dentro, com certeza...

Rato Renato disse...

Sensacional.

Chorik disse...

Guru pode? Levas jeito, não?
Palavra de verificação: vightice, soa familiar.

Moniz Fiappo disse...

Também tô dentro. Vou procurar um pecado bem cabeludo pra por a prova.
Palavra de verificação stoxert, acredita?
E faltar à exposição da comadre, pode?
Bj

Bernardo Guimarães disse...

meninha,
seja benvinda, aqui, todo mundo que vem, é de paz. depois a gente toma umas brahmas...
rato:
vc é gentil; obrigado pela visita e pela transcrição do texto (comentei em seu blog)
chorik:
juro (e não é pecado!)que só me vem sua cara quando penso em um guru!
ivonete:
pode não! vai pra lista dos pecados quase mortais! faltei, mas ainda vou! bj.

aeronauta disse...

Que delícia de religião e de texto! Por falar em títulos, qual seria o do fundador, ou seja, o seu?
P.S.: Sabia que agora também moro no interior?

- Luli Facciolla - disse...

Opa!
Tô dentro!

;)

Maria Muadiê disse...

Tô dentro.
Também ainda tô afim de paz e amor e bem cafona, careta ou seja lá o que for, ainda faço o gesto.
Se puder guru, vc será o meu.

Beijo

Luciano Fraga disse...

Continuo adepto, sigo sim, quero sim...A paz é tudo! Muito bom, abraço.

Anônimo disse...

CUIDADO JASUS ESTA VOLTANDO

xeudizer:

anotações livres, leves, soltas